terça-feira, julho 25, 2006

Só...



Só...
novamente só.
A pior sensação.
Não há nada mais triste,
que a solidão.
E eu estou só.

O porquê?
É muito estranho.
Mas quem não o é?

É bom saber que
a nossa amizade resiste,
resiste e presiste.
Nada nos separa,
só a solidão.

Será que consegue?
Eu digo que não,
nada nos separa,
existe algo chamado Coração.
E Tu, sim Tu
estás, estarás e sempre
estiveste lá!!!

Só...
novamente só.
Tretas!!!
Onde quer que eu esteja,
onde quer que tu estejas
não estamos sós.
Estamos juntos!!

Quanto ao Só.
Ele que fique só
não me faz falta,
não necessito dele.
Pois tenho os meu amigos
e Tu és uma...


Wonderwall - Oasis
"I don't believe that anybody
Feels the way I do about you now"

4 Comments:

Anonymous Jonjon said...

Gostei do desenho..:)

8:52 da manhã  
Blogger Monique Mendes said...

Exacto! Só?! Tretas! Não estás, nunca estiveste e nunca estarás. Haverá sempre alguém por perto com a mão estendida e um abraço para dar!

12:07 da tarde  
Blogger ana paula said...

A solidão é uma tela abstracta. Só estamos sós quando no meio dos "rabiscos" vemos a imagem nítida de nós próprios.

Se te consegues ver numa tela abstracta, então estás só.

2:38 da tarde  
Blogger Margarida Sá said...

Acho que todos já sentimos um pouco do que tu dizes sentir aqui. A solidão é mesmo andar entre as gentes e estar sozinho. É perceber, é crescer, é saber o sabor de um abraço que não vem. Mas quando chega, é o melhor doce que alguma vez provaste. E aí...tudo vai passar. A seu tempo, tudo passa. E tu? Tu serás uma nova pessoa. Com mais armas, com menos medos. E vai, vive a vida com todas essas armas e todos os calos que a vida vai deixando e não te esqueças de continuar a escrever, a sentir o amor, a paixão e tudo mais, porque essa parte "irreal" da vida é o melhor que ela nos dá.

12:07 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home